0800 777 2050
(34)
(34)99982-0644
(34)98400-8040
(34)99214-8470
(34)99870-1035(EMERGÊNCIA)
Ok
Bom Pastor
Era Homem Arafat
veja mais fotos
Era    Homem  Arafat
Era    Homem  Arafat
Era Homem Arafat
Autor (es):
De: R$ 52,02
Por 3 x de:
R$ 15,41
ou em ate 6x no cartão
Este livro é muito mais do que a história de um dos muitos palestinos que se refugiam na América, mas sobre o triunfo do amor sobre o ódio, de maneira a despertar o mesmo sentimento em cada um, sentimento este que só é possível por meio da mensagem que o Senhor deixou: ?Ame o próximo como a si mesmo.?
Volume: 1
isbn: 978-85-7557-087-6
Quantidade na Caixa: 224


Aos 16 anos, Tass Saada já portava um poderoso rifle Simonov.


Ele fugiu de casa para tornar-se um atirador da OLP e motorista de Arafat.


Ter crescido como refugiado na Arábia Saudita ensinou-o a odiar.


Como com muitos palestinos, seu ódio – e seu rifle – era dirigido para Israel.


A história de Tass Saada poderia terminar tragicamente, como mais uma das centenas de perdas no caldeirão de ódio de Oriente Médio. Mas Tass Saada estava destinado a coisas melhores.


Sua história irá proporcionar a você um olhar mais atento sobre:


- O mundo de Arafat;


- A vida, as lutas e o coração de um refugiado palestino;


- Um muçulmano que se converteu ao cristianismo e enfrentou represálias de sua própria família;


- A transformação do ódio em amor e esperança.


Todos os homens são iguais perante Deus, independente de confissão religiosa ou ideologia política, divergências que, ao longo das décadas, têm feito milhares e milhares de vítimas ao redor do mundo, especialmente no Oriente Médio, onde árabes e judeus travam uma batalha infinita que nada de significativo acrescenta às suas vidas. Pelo contrário, somente os fazem caminhar a passos largos para a destruição de suas próprias raças. Tass Saada, autor de Era Uma Vez Um Homem de Arafat, foi um dos árabes a quem ensinaram a odiar e exterminar com os judeus, a fazer parte da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), movimento encabeçado por Yasser Arafat. Foi, até conhecer Jesus Cristo e experimentar uma verdadeira transformação em sua vida. De sua provável morte se fez vida, da indiferença se fez amizade, e da desilusão se fez esperança; esperança de um mundo de paz, de união e de fraternidade entre as nações.


Este livro é muito mais do que a história de um dos muitos palestinos que se refugiam na América, mas sobre o triunfo do amor sobre o ódio, de maneira a despertar o mesmo sentimento em cada um, sentimento este que só é possível por meio da mensagem que o Senhor deixou: “Ame o próximo como a si mesmo.”


Matricule-se Agora!
Selecione os cursos de sua opção:
Ao preencher este formulário declaro que li e concordo com a Política de privacidade e o contrato de prestação de serviço deste Web Site.